sábado, 22 de janeiro de 2011

Como virei uma putinha na cama após perder a virgindade

Sempre fui uma criança recatada, mas mto curiosa lembro-me que por diversas vezes espionava as revistas pornos que meu pai tinha debaixo do colchao. Minha mae me surpreendeu com um ursinho de pelucia dentro da calcinha. Rs safafinha.

No colegio mto timida me escondia por tras dos oculos e das roupas largas. Menstruei pela primeira vez aos 11 anos, e nesta mesma epoca recebemos em nossa casa meu tio/padrinho irmao da minha mae, 19 anos mais velho que eu. Eramos mto proximos, dividiamos o mesmo quarto: eu, meu tio e meu irmao de 10 anos.

Numa determinada noite fui surpreendida com um beijo no canto da boca e a frase: - Deus te abençoe! Que estranho, Pensei. E ele aproximou-se mais e me deu o primeiro beijo, jamais havia provado outra boca. Sem reação me virei e fui dormir.

Eu mal conseguia olhar pra ele nos dias que se seguiram, todas as noites ao pedir a benção ele se aproveitava para roubar um beijo. O medo me consumia tinha pavor daqueles momentos. Ficava com medo todas as vezes que ele queria fazer algum jogo e nos chamava...pois debaixo do edredom ele acariciava minha bucetinha infantil sem pelos. Como eu chorava! ele sempre me lembrava de que eu não devia contar isso a ninguém. E eu sofria calada. A situação proceguia através dos anos...todas as noites Qndo as luzes se apagavam sentia sua mão pelo meu corpo...aos 13 anos me pôs para mamar no seu pau. Senti nojo chorei. Resolvi dar um basta...mas foi pior, me fez ameaças me mandou chupa-lo até gozar. Sempre que meus pais saíam eu ficava em casa para preparar o almoço para o meu tio. Sem saber me serviam como prato principal.

Ele nunca forçou uma penetração mas me tocava e explorava meu corpo de todas as formas. Mesmo que ele namorasse ou tivesse suas ficantes, a noite eu era sempre seu brinquedo. quando estava por completar 15 anos ele se mudou e ficámos algum tempo sem contato, até que recebemos o convite de seu casamento. Fomos todos para a casa de minha avó onde ele morava...eu já uma moça feita por ele mesmo...tinha agora pelinhos na bucetinha e seios bem formados...médios mto lindos. No dia do casamento entrei sem sorte no quarto onde ele se trocava...e mais uma vez ele me pôs para mamar...isso me marcou profundamente...apesar de nunca ter me penetrado me fez conhecer o lado safado do sexo. Dois anos atrás recebi uma ligação e era ele pegara meu número com minha mãe...queria terminar o que começamos...surpreendentemente aceitei...e na minha própria casa fiz com ele tudo o que me ensinou... Ouvi daquela boca que por tantas vezes me corrompeu que eu era a mulher mais gostosa e safada que ele havia comido...que lembraria da minha bucetinha e seios de menina todas as vezes que tocasse uma mulher. E foi assim que hoje aos 24 anos me tornei uma putinha.


Fotos

Marcadores: , , , , , ,

0 Comentários:

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

<< Página inicial